Receba novidades em seu e-mail
OK
Área do usuário

Exercícios sobre Hidrografia Brasileira

A Hidrografia Brasileira tem como principais características a sua imensidão e as elevadas vazões de seus rios.


Por Rodolfo F. Alves Pena
  • Questão 1

    Assinale a alternativa abaixo que NÃO representa uma das características gerais da hidrografia brasileira.

    a) A maior parte dos rios brasileiros é abastecida por um regime pluvial, praticamente não havendo indícios de regimes de abastecimento nivais ou glaciais.

    b) A maioria dos rios do Brasil é perene e a minoria é intermitente.

    c) A hidrografia brasileira é rica em rios e pobre em lagos.

    d) Os rios do Brasil são exorreicos e deságuam quase sempre no Oceano Atlântico.

    e) Alguns rios brasileiros são muito usados para a navegação, a exemplo do Rio Amazonas.

    ver resposta


  • Questão 2

    Analise o texto a seguir:

    A água na atmosfera, que chamamos vapor de água, provém de um ciclo contínuo. Os rios, que se formam por precipitações pluviais, formam por sua vez nuvens como consequência de sua evaporação. Deste modo, a água da chuva retorna para a atmosfera através da evaporação da água e da transpiração das plantas que ela mesma alimenta.

    A Amazônia é uma região de alta umidade, devido às altas temperaturas da região e sua frondosa e extensa vegetação. Na realidade, tudo está interconectado, a Amazônia, seus rios e a atmosfera são como uma grande bacia hidrográfica alimentando-se reciprocamente e se vinculando estranhamente através dos mecanismos da chuva.

    LOPES, F. N. Amazônia, mãe do clima do Brasil. Epoch Times. Disponível em: http://www.epochtimes.com.br/amazonia-mae-do-clima-do-brasil-2/

    A partir da leitura do texto e com base em seus conhecimentos, ressalte a importância da Floresta Amazônica para a Bacia Amazônica.

    ver resposta


  • Questão 3

    Assinale a alternativa que apresenta a maior bacia hidrográfica localizada em território totalmente brasileiro.

    a) Bacia do Parnaíba

    b) Bacia do Tocantins-Araguaia

    c) Bacia Amazônica

    d) Bacia do São Francisco

    e) Bacia do Paraná

    ver resposta


  • Questão 4

    (FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ)

    A rede hidrográfica brasileira apresenta, dentre outras, as seguintes características:

    a) grande potencial hidráulico, predomínio de rios perenes e predomínio de foz do tipo delta.

    b) drenagem exorreica, predomínio de rios de planalto e predomínio de foz do tipo estuário.

    c) predomínio de rios temporários, drenagem endorreica e grande potencial hidráulico.

    d) regime de alimentação pluvial, baixo potencial hidráulico e predomínio de rios de planície.

    e) drenagem endorreica, predomínio de rios perenes e regime de alimentação pluvial.

    ver resposta


  • Questão 5

    (IFCE – com adaptações)

    Sobre as características da hidrografia brasileira, são feitas as seguintes afirmações:

    I. Considerando-se os rios de maior porte, só é encontrado regime temporário no sertão nordestino, onde o clima é semiárido, no restante do país, os grandes rios são perenes.

    II. Predominam os rios de planalto em áreas de elevado índice pluviométrico. A existência de muitos desníveis no relevo e o grande volume de água possibilitam a produção de hidroeletricidade.

    III. Na região Amazônica, os rios são muito utilizados como vias de transporte, e o potencial hidrelétrico é amplamente aproveitado.

    Está correto o que se afirma em:

    A) I apenas.

    B) I e II apenas.

    C) I e III apenas.

    D) II e III apenas.

    E) I, II e III.

    ver resposta




Respostas


  • Resposta Questão 1

    a) Verdadeiro – O regime de abastecimento dos rios brasileiros é marcadamente pluvial, ou seja, ocorre através das águas das chuvas. Apenas o Rio Amazonas nasce a partir do derretimento da neve (regime nival) na Cordilheira dos Andes, mas a maior parte de suas águas é oriunda de outros rios que são abastecidos pelas águas das chuvas. Além disso, não há no Brasil a ocorrência de abastecimento de rios por geleiras (origem glacial).

    b) Verdadeiro – A maior parte dos rios brasileiros é perene, ou seja, caracteriza-se por serem rios duradouros, que nunca secam mesmo nos tempos de seca. Apenas alguns rios do Nordeste são intermitentes, ou seja, secam em um determinado período do ano.

    c) Verdadeiro – Em razão das estruturas geológicas e superficiais do relevo brasileiro, basicamente não se registra a presença de grandes lagos no país. Além disso, dentre os que existem, quase todos são de origem oceânica.

    d) Verdadeiro – Os rios brasileiros são sempre exorreicos, ou seja, deságuam no oceano, para fora do continente. Além disso, em virtude das condições geológicas do continente sul-americano, praticamente não há rios que deságuam no Oceano Pacífico. Mesmo aqueles rios que se direcionam para o oeste acabam desaguando em outro rio que segue rumo ao Oceano Atlântico.

    e) Falso – Apesar do grande potencial hidroviário do país, não existe no Brasil uma política de aproveitamento dos cursos d’água para transporte e locomoção.

    voltar a questão


  • Resposta Questão 2

    A Floresta Amazônica é de fundamental importância para os rios da região Norte do país, pois esses se abastecem através das chuvas ocasionadas pelo acúmulo de umidade gerado pela evapotranspiração da vegetação. Além disso, as matas ciliares são importantes para a manutenção dos cursos dos rios, evitando a ocorrência de processos erosivos que poderiam modificá-los ou até extingui-los.

    voltar a questão


  • Resposta Questão 3

    A maior bacia hidrográfica, dentre as citadas, é a Bacia Amazônica. No entanto, a questão refere-se à maior bacia hidrográfica totalmente brasileira, de forma que a Amazônica não atende a esse critério, uma vez que parte dela se encontra em outros países da América do Sul, como Peru, Colômbia e Venezuela. A maior bacia hidrográfica totalmente brasileira é a do Tocantins-Araguaia.

    Letra B.

    voltar a questão


  • Resposta Questão 4

    A hidrografia brasileira é marcada por apresentar rios e cursos d’água que:

    - não secam ao longo do ano (perenes);

     - costumam desaguar nos mares e oceanos, configurando uma drenagem do tipo exorreica;

    - possuem uma grande capacidade hidráulica e deságuam nos oceanos através de uma foz simples, do tipo estuário, com exceção do Rio Amazonas, cuja foz é mista (tanto do tipo delta como do tipo estuário).

    A alternativa que contempla essas informações é a Letra B.

    voltar a questão


  • Resposta Questão 5

    I – Verdadeiro – A incidência de rios temporários ou intermitentes no Brasil concentra-se basicamente na região Nordeste do país.

    II – Verdadeiro – A hidrografia brasileira possui, em sua maioria, rios de planalto, que possuem como característica principal o acentuado desnível entre as suas nascentes e o seu curso, o que favorece a implantação de usinas hidrelétricas.

    III – Falso – O potencial hidrelétrico da Bacia do Amazonas não é muito aproveitado, pois durante muito tempo se imaginou que os seus rios não eram propícios para a instalação de usinas de produção de energia, por se tratarem de rios de Planície. Além disso, apesar do amplo potencial dos rios dessa bacia para a navegação, esse recurso também é pouco utilizado.

    Letra B – I e II apenas.

    voltar a questão


Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas
  • quinta-feira | 27/03/2014 | Alex Rosa Santos

    Muito bom :3 , prova amanhã .

  • segunda-feira | 11/11/2013 | francisco anselmo

    e de grande valor didático pedagogico





Brasil Escola nas Redes Sociais