Receba novidades em seu e-mail
OK
Área do usuário

Exercícios sobre o Apartheid

Teste os seus conhecimentos: Faça exercícios sobre o Apartheid e veja a resolução comentada.


Por Wagner de Cerqueria e Francisco
  • Questão 1

    Várias políticas ditatoriais foram implantadas no continente africano. O apartheid foi uma política racial imposta pela minoria branca da população, únicos com direito a voto, restando à maioria da população, composta por negros, obedecer rigorosamente as leis separatistas. Em qual país da África foi implantado o apartheid:

    a) Angola

    b) Nigéria

    c) Camarões

    d) África do Sul

    e) Jamaica

    ver resposta


  • Questão 2

    Quais as principais características da política racial (apartheid)?

    ver resposta


  • Questão 3

    Em que ano se iniciou o apartheid, e quais as reações da população local em relação a essa política segregacionista racial?

    ver resposta


  • Questão 4

    Quais o principais fatores que influenciaram para o fim do apartheid?

    ver resposta


  • Questão 5

    A repercussão negativa ao regime político racial instalado na África do Sul envolveu a maioria da população local (negros) e organismos internacionais como, por exemplo, a Organização das Nações Unidas (ONU). Várias manifestações foram realizadas contra o apartheid, sendo o principal líder desses movimentos:

    a) Mahatma Gandhi

    b) Frederick de Klerk

    c) Thabo Mbeki

    d) Nelson Mandela

    e) N.D.A.

    ver resposta


  • Questão 6

    (FGV) De 1948 a 1991, vigorou na África do Sul o regime denominado apartheid. A esse respeito é correto afirmar:

    a) Trata-se de uma política de segregação racial que excluía os negros da participação política, mas lhes reservava o livre direito à propriedade da terra.

    b) Trata-se de uma política de segregação racial que previa uma lenta incorporação da população negra às atividades políticas do país.

    c) Trata-se de uma política de segregação racial que excluía negros e asiáticos da participação política e restringia até mesmo a sua circulação pelo país.

    d) Trata-se de uma política de integração racial baseada na perspectiva ideológica da mestiçagem cultural entre as diversas etnias negras.

    e) Trata-se de uma política de segregação racial que propunha a eliminação gradual da minoria negra, como forma de garantir a dominação branca.

    ver resposta




Respostas


  • Resposta Questão 1

    a) Falso - O apartheid não ocorreu na Angola

    b) Falso - A política de segregação racial denominada apartheid não foi imposta na Nigéria

    c) Falso - O apartheid não foi implantado em Camarões

    d) Verdadeiro - O apartheid foi uma política racial imposta por uma minoria branca na África do Sul. Esse sistema político teve início em 1948 e durou até o ano de 1992.

    e) Falso - Não é um país africano

    voltar a questão


  • Resposta Questão 2

    Conforme a política segregacionista denominada apartheid, a minoria branca, os únicos com direito de voto, detinham todo poder político e econômico no país, enquanto à maioria negra restava a obrigação de obedecer rigorosamente à legislação separatista.

    A política de segregação racial foi oficializada em 1948, com a chegada do Novo Partido Nacional (NNP) ao poder. O apartheid não permitia o acesso dos negros às urnas, além de não poderem adquirir terras na maior parte do país, obrigando os negros a viverem em zonas residenciais segregadas, uma espécie de confinamento geográfico (que se refletia em seu isolamento social e político). Os negros eram obrigados a fixar moradia em lugares predeterminados pelos brancos, conhecidos como homelands, nas áreas rurais; locations, nas áreas urbanas, em compounds, nas áreas de mineração.    Casamentos e relações sexuais entre pessoas de diferentes etnias também eram proibidos.

    voltar a questão


  • Resposta Questão 3

    O apartheid teve início em 1948. A oposição a essa política iniciou-se a partir da década de 1950, com a realização de várias manifestações contrárias ao apartheid. Os movimentos sociais se fortaleceram com a participação do Congresso Nacional Africano (CNA), organização negra criada em 1912. Inúmeros protestos foram organizados pela CNA, em um deles, no ano de 1960, a polícia matou 67 negros que participavam da manifestação. O Massacre de Sharpeville, como ficou conhecido.

    voltar a questão


  • Resposta Questão 4

    Com o fim do império português na África (1975) e a queda do governo de minoria branca na Rodésia, atual Zimbábue (1980), o domínio branco na África do Sul entrou em crise. Esses fatos intensificaram as manifestações populares contra o apartheid. A Organização das Nações Unidas (ONU) tentou dar fim à política praticada no país. O presidente Piter Botha promoveu reformas, mas manteve os principais aspectos do regime racista.

    Com a posse de Frederick de Klerk na presidência, em 1989, ocorreram várias mudanças. Em 1990, Mandela foi libertado, e o CNA recuperou a legalidade. Klerk revogou as leis raciais e iniciou o diálogo com o CNA. Sua política foi legitimada por um plebiscito só para brancos, 1992, no qual 69% dos eleitores (brancos) votaram pelo fim do apartheid.

    O Parlamento aprovou a Lei de Direitos Sobre a Terra, restituindo propriedades às famílias negras atingidas pela lei de 1913, que destinou 87% do território à minoria branca.

    voltar a questão


  • Resposta Questão 5

    a) Falso - Líder da independência indiana.

    b) Falso - Último presidente do sistema político racial na África do Sul (apartheid), realizou uma série de aberturas para o fim do apartheid, inclusive a libertação de Nelson Mandela e a legalidade do Congresso Nacional Africano (CNA), partido político composto pela população negra.

    c) Falso - Presidente sul africano sucessor de Nelson Mandela.

    d) Verdadeiro – Principal líder político da resistência negra ao apartheid. Ficou preso por duas décadas durante a política racial, sendo eleito presidente sul africano em 1994. 

    e) Nelson Mandela é a alternativa correta.

    voltar a questão


  • Resposta Questão 6

    a) Falso – Essa política excluía os negros da participação política, pois apenas os brancos tinham direito a voto; além de não poderem adquirir terras na maior parte do país, obrigando os negros a viverem em zonas residenciais segregadas, uma espécie de confinamento geográfico.

    b) Falso - Durante o apartheid, os negros eram extremamente exclusos das atividades políticas desenvolvidas na África do Sul.

    c) Verdadeiro – A política racial (apartheid) imposta por uma minoria branca excluía os negros e asiáticos da participação política do país, lhes impondo leis separatistas.

    d) Falso - O apartheid não tinha como propósito a integração racial.

    e) Falso – A maioria da população do território sul africano é composta por negros, diferentemente do que é citado nesse item, que coloca a população negra como minoria.

    voltar a questão


Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas


Brasil Escola nas Redes Sociais