Receba novidades em seu e-mail
OK
Área do usuário

Exercícios sobre as conjunções subordinativas

As conjunções subordinativas introduzem orações sintaticamente dependentes entre si.


Por Vânia Maria do Nascimento Duarte
  • Questão 1

    (MP-SP) Na frase Quando ocorreu o encontro entre as civilizações pré-colombianas e pré-cabralianas, os colonizadores foram capazes de superar a tragédia do enfrentamento...”, a conjunção destacada pode ser substituída, sem alteração de sentido, por:

    a) assim que

    b) contudo

    c) sempre que

    d) à medida que

    e) antes que

    ver resposta


  • Questão 2

    (FJG) A palavra como  tem o valor  de conjunção subordinativa conformativa na opção:

    a) Indaguei-lhe como Rubião tinha assumido aquela postura de contemplação.
    b) Como não tivesse condições financeiras suficientes, Rubião viveu com parentes.
    c) Como estava agravável a manhã, Rubião resolveu passear na enseada.
    d) As más notícias chegam tão rápidas como as chuvas de verão.
    e) Como ele mesmo disse, mana Piedade não se casou.

    ver resposta


  • Questão 3

    Sabendo que uma mesma conjunção subordinativa, dependendo do contexto em que estiver empregada, pode adquirir sentidos diferentes, analise as orações abaixo, atribuindo a classificação adequada a cada uma das conjunções em destaque:

    a – Como não havia recursos financeiros suficientes, as obras ficaram paralisadas.

    b – Fizemos a pesquisa como o professor indicou.

    c – Você é meiga como uma flor.

    d – Desde que você apresente justificativa poderá faltar à reunião.

    e – Estamos morando aqui desde que a cidade foi fundada.

    ver resposta


  • Questão 4

    Por certo, dispondo do conhecimento que tem sobre as conjunções subordinativas, analise as orações demarcadas abaixo, classificando as conjunções destacadas de acordo com o sentido por elas representado:

    a – A menos que apresente uma justificativa plausível, não poderá viajar hoje.

    b - Falou tão alto, que ficou com a voz comprometida no outro dia.

    c – Você parece ser calma como sua irmã.

    d – À medida que o volume do som aumentava, mais a população reclamava.

    e – Assim que chegou ao trabalho procurou iniciar as tarefas a que lhe eram atribuídas.

    f – Quando você desocupar, avise-me.

    g – Conforme me indicou, procurei o profissional de saúde para tratar do meu caso.

    ver resposta


  • Questão 5

    Levando em consideração os aspectos inerentes à dependência sintática entre os elementos de uma oração, defina acerca do que vem a ser conjunção subordinativa, procurando citar um exemplo de tal ocorrência linguística.

    ver resposta




Respostas


  • Resposta Questão 1

    Letra “A”, pois a conjunção “assim que” está ligada à noção de tempo, assim como a conjunção “quando”.

    voltar a questão


  • Resposta Questão 2

    Acerca do sentido manifestado pela conjunção em destaque – “como” – tem-se que ela traz em sua essência a noção de conformidade, o que faz com que atribuamos a mesma ideia à conjunção representada pela letra “E”.

    voltar a questão


  • Resposta Questão 3

    a – Como não havia recursos financeiros suficientes, as obras ficaram paralisadas.

    Conjunção subordinativa causal.

    b – Fizemos a pesquisa como o professor indicou.

    Conjunção subordinativa conformativa.

    c – Você é meiga como uma flor.

    Conjunção subordinativa comparativa.

    d – Desde que você apresente justificativa poderá faltar à reunião.

    Conjunção subordinativa condicional.

    e – Estamos morando aqui desde que a cidade foi fundada.

    Conjunção subordinativa temporal.

    voltar a questão


  • Resposta Questão 4

    a – A menos que apresente uma justificativa plausível, não poderá viajar hoje.

    Conjunção subordinativa condicional.

    b - Falou tão alto, que ficou com a voz comprometida no outro dia.

    Conjunção subordinativa causal.

    c – Você parece ser calma como sua irmã.

    Conjunção subordinativa comparativa.

    d – À medida que o volume do som aumentava, mais a população reclamava.

    Conjunção subordinativa proporcional.

    e – Assim que chegou ao trabalho procurou iniciar as tarefas a que lhe eram atribuídas.

    Conjunção subordinativa temporal.

    f – Quando você desocupar, avise-me.

    Conjunção subordinativa temporal.

    g – Conforme me indicou, procurei o profissional de saúde para tratar do meu caso.

    Conjunção subordinativa conformativa.

    voltar a questão


  • Resposta Questão 5

    Denominam-se conjunções subordinativas aquelas que introduzem as orações que estabelecem uma relação de dependência sintática entre si, ou seja, a oração subordinada exerce a função sintática de um dos elementos expressos na oração denominada de principal, podendo ser tal função sintática a de objeto direto e indireto, complemento nominal, sujeito, aposto, adjunto adverbial, entre outras.

    Como exemplo, temos:

    Como não podia chegar mais cedo em casa, resolveu não comparecer ao aniversário.

    Oração principal se destaca por: resolveu não comparecer ao aniversário.

    Oração subordinada adverbial causal: Como não podia chegar mais cedo em casa. 

    A razão de tal classificação se dá em decorrência de que a subordinada representa a função de adjunto adverbial da oração principal, demarcando a ideia de causa.

    voltar a questão


Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas




Brasil Escola nas Redes Sociais