Receba novidades em seu e-mail
OK
Área do usuário

Exercícios sobre Concentração Comum

A concentração comum ou concentração em massa (C) indica a quantidade em massa de soluto (m1), que se encontra em um volume-padrão de solução (V), sendo expressa em g/L.


Por Jennifer Rocha Vargas Fogaça
  • Questão 1

    Uma solução foi preparada dissolvendo-se 4,0 g de cloreto de sódio (NaCl) em 2,0 litros de água. Considerando que o volume da solução permaneceu 2,0 L, qual é a concentração da solução final?

    a)      2g/L

    b)      4g/L

    c)      6 g/L

    d)      8 g/L

    e)      10 g/L

    ver resposta


  • Questão 2

    Complete as lacunas da frase a seguir com os valores corretos:

    “Uma solução que apresenta concentração 80 g/L apresenta ... gramas de soluto, por litro da solução. Portanto, em 10 litros dessa solução devem existir ... gramas de soluto.”

    ver resposta


  • Questão 3

    Um técnico de laboratório preparou uma solução aquosa de ácido sulfúrico (H2SO4) misturando 33 g desse ácido em 200 mL de água, com extremo cuidado, lentamente, sob agitação e em uma capela com exaustor. Ao final, a solução ficou com um volume de 220 mL. A concentração em g/L dessa solução é:

    a)      0,15

    b)      0,165

    c)      66

    d)      15

    e)      150

    ver resposta


  • Questão 4

    Em uma solução aquosa de hidróxido de sódio (NaOH), calcule:

    a)      A concentração em g/L de uma solução que contém 4,0 g de NaOH dissolvidos em 500 mL de solução.

    b)      Para preparar 300 mL de uma solução dessa base com concentração de 5 g/L será preciso quanto de soluto?

    e)      Qual será o volume em mL de uma solução aquosa de hidróxido de sódio que possui exatamente 1 mol dessa substância (NaOH = 40 g/mol), sendo que sua concentração é igual a 240 g/L?

    ver resposta


  • Questão 5

    (UnB-DF) Em um rótulo de leite em pó integral, lê-se:

    A porcentagem em massa indica-nos a quantidade de gramas de cada componente em 100 g de leite em pó. Calcule a concentração em massa (em g/L) de proteínas em um copo de 200 mL de leite preparado.

    ver resposta


  • Questão 6

    (Fuvest-SP) Considere duas latas do mesmo refrigerante, uma na versão “diet” e outra na versão comum. Ambas contêm o mesmo volume de líquido (300 mL) e têm a mesma massa quando vazias. A composição do refrigerante é a mesma em ambas, exceto por uma diferença: a versão comum contém certa quantidade de açúcar, enquanto a versão “diet” não contém açúcar (apenas massa desprezível de um adoçante artificial). Pesando-se duas latas fechadas do refrigerante, foram obtidos os seguintes resultados:

    Por esses dados, pode-se concluir que a concentração, em g/L, de açúcar no refrigerante comum é de, aproximadamente:

    a) 0,020

    b) 0,050

    c) 1,1

    d) 20

    e) 50

    ver resposta


  • Questão 7

    (UFRN-RN)

    Uma das potencialidades econômicas do Rio Grande do Norte é a produção de sal marinho. O cloreto de sódio é obtido a partir da água do mar nas salinas construídas nas proximidades do litoral. De modo geral, a água do mar percorre diversos tanques de cristalização até uma concentração determinada. Suponha que, numa das etapas do processo, um técnico retirou 3 amostras de 500 mL de um tanque de cristalização, realizou a evaporação com cada amostra e anotou a massa de sal resultante na tabela a seguir:

    A concentração média das amostras será de:

    a) 48 g/L.

    b) 44 g/L.

    c) 42 g/L.

    d) 40 g/L

    ver resposta


  • Questão 8

    (Unicamp-SP) Evapora-se totalmente o solvente de 250 mL de uma solução aquosa de MgCl2 de concentração 8,0 g/L. Quantos gramas de soluto são obtidos?

    a)      8,0

    b)      6,0

    c)      4,0

    d)      2,0

    e)      1,0

    ver resposta




Respostas


  • Resposta Questão 1

    Alternativa “a”

    C = m1 →C = 4,0 gC = 2,0 g/L
           V             2,0 L

    voltar a questão


  • Resposta Questão 2

    80; 800

    voltar a questão


  • Resposta Questão 3

    Alternativa “e”

    Nesse caso, temos que passar o valor do volume da solução de mL para L:

    1 L ---------- 1000 mL
     X ------------220 mL

    X = 220/1000

    X = 0,22 L

    Agora podemos fazer uma regra de três básica:

    33 g de H2SO4 ------------ 0,22 L de solução
    y ---------------------------- 1 L de solução

    y = 1 L . 33 g
          0,22 L

    y = 150 g/L

    voltar a questão


  • Resposta Questão 4

    a)       

    1 L ---------- 1000 mL
     X ------------500 mL

    X = 500/1000

    X = 0,5 L

    C = m1 →C = 4,0 gC = 8,0 g/L
           V               0,5 L

    b) 1 L ---------- 1000 mL
     X ------------300 mL

    X = 300/1000

    X = 0,3 L

    C = m1 →5 g/L = m1 → m1 = (5 g/L) . (0,3 L) → m1 =  1,5 g
           V                 0,3 L

    c)

    240 g--------------- 1000 mL (1 L)
    40 g --------------- x

    X = (40 g). (1000 mL)
                  240 g
    X = 166, 7 mL

    voltar a questão


  • Resposta Questão 5

    45 g/L

    - Primeiro calculamos a concentração da solução feita misturando-se 30 g do leite em pó integral em 200 mL (1 copo) de água. Lembre-se de transformar o volume para L (200 mL → 0,2L):

     C = m1 → C = 30 gC = 150,0 g/L
             V               0,2 L

    - Agora fazemos uma regra de três, visto que a proteína equivale a 30% da massa do leite:

    100 % ---------- 150,0 g/L
    30%   ---------- x

    X = 30 . 150
            100

    X = 45,0 g/L

    voltar a questão


  • Resposta Questão 6

    Alternativa “e”

    Sabendo que a diferença de massa entre o refrigerante comum e o diet é somente em razão do açúcar:

    maçúcar = mrefrigerante comum – mrefrigerante diet

    maçúcar = 331,2 – 316,2
    maçúcar = 15 g

    15 g de açúcar -------- 0,3 L de refrigerante (300 mL)
    x ------------------------- 1 L de refrigerante
    x = 1 . 15 / 0,3
    x = 50 g de açúcar/L de refrigerante

    voltar a questão


  • Resposta Questão 7

    - Primeiramente, calculamos a concentração comum de cada amostra. Como a unidade pedida no exercício é g/L, o volume de 500 mL será passado para litros, dando um resultado de 0,5 L:

                                                    C = m1
                                                            V      

    Amostra 1:                        Amostra 2:                              Amostra 3: 

    C1 = 22 g                            C2 = 20 g                                      C3 = 24 g        
             0,5 L                                 0,5 L                                              0,5 L

    C1 = 44 g/L                         C2= 40 g/L                             C3 = 48 g/L                     

    -          Tirando a média:

    Cmédia = C1 + C2 + C3  →Cmédia = (44 + 40+ 48)g/L   →Cmédia = 44 g/L
                             3                                          3

    voltar a questão


  • Resposta Questão 8

    Alternativa “d”

    C = m1
           V

    8,0 g/L = __m1__
                     0,25 L

    m1 = 8,0 g/L . 0,25 L
    m1 =2,0 g

    voltar a questão


Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas
  • terça-feira | 03/06/2014 | Lucas

    Nessa c da 4 questão não deveria ser 166,6 ml a resposta correta ???

  • terça-feira | 24/06/2014 | Jennifer Rocha Vargas ...
    1 0

    Visto que o resultado dá 166,6666666666667, apenas arredondamos para 166,7 mL.

  • quarta-feira | 19/03/2014 | Powerwender

    Esse site é muito bom para estudar, gostei aprimorei os meus conhecimentos e estou pronto para prova. Vem ni mim dez. Rsrsrs flw.

  • quinta-feira | 13/02/2014 | Caio Teixeira

    Essa 5Q não deveria ter sido 60g para um copo de 200ml? Pq lá está como se fosse 100g. no rótulo do leite tem dizendo 2 colheres de 30g para 1 copo de 200ml.





Brasil Escola nas Redes Sociais